São Cristóvão e Nevis

por

No início de outubro o Embaixador da França em São Cristóvão e Nevis, junto do assessor francês de Comércio Exterior, após reunião com o primeiro ministro de São Cristóvão e Nevis reafirmaram o seu apoio ao desenvolvimento de energia geotérmica no país caribenho. O governo de São Cristóvão e Nevis tem trabalhado com a empresa francesa, Teranov para examinar as viabilidades técnica e econômica do poder geotérmico no país, como se espera que, até o ano 2020, cerca de 100% da eletricidade fornecida na federação seja produzida de fontes de energia renováveis ​​em oposição aos caros combustíveis fósseis importados. Tais trabalhos têm sido incentivados porque a geotérmica é considerada uma fonte de energia ideal, à prova de furacões, ao contrário das linhas de energia acima do solo.

FONTE: CARIBBEAN NEWS NOW

compartilhar

Postagens Recomendadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *