Bósnia-Herzegovina

por

Um quarto de século após o início do conflito, mais de 20 mil sobreviventes de violência sexual em tempo de guerra na Bósnia e Herzegovina ainda estão sendo negados a justiça.  Revelam-se devastadoras as consequências físicas e psicológicas desses crimes e as barreiras injustificáveis ​​que impedem as mulheres de acessar o apoio de que precisam e a proteção legal a que têm direito. Durante o conflito, milhares de mulheres e meninas foram submetidas a estupros e outras formas de violência sexual por grupos militares e paramilitares. Muitas foram escravizadas, torturadas e até impregnadas por força nos chamados “campos de estupro.”

FONTE: https://www.amnesty.org/en/latest/news/2017/09/bosnia-and-herzegovina-last-chance-for-justice-for-over-20000-wartime-sexual-violence-survivors/

compartilhar

Postagens Recomendadas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *