Peru

por

Um tribunal peruano de Justiça sentenciou a sete meses de prisão preventiva o sacerdote espanhol Santiago Martínez Valentín-Gamazo, acusado de supostos abusos a quatro menores de idade, alunos de um seminário religioso no Peru.

Fonte: Estado de Minas

compartilhar

Postagens Recomendadas